SEO para ecommerce

ecommerce-seo

Este post o pessoal que tem uma loja online vai gostar. Como fazer a sua loja ou produto ficar conhecido sem ter que ficar pagando para o Google a cada clique? Seria ótimo se procurassem o seu produto no Google e a sua página aparecesse nas primeiras posições, não seria? Aumentaria muito a chance de fazer uma venda. Ser encontrado na internet hoje, no meio de tantas opções, é como encontrar ouro.

Siga este passo-a-passo abaixo e aprenda a destacar a sua loja ou produto no Google:

  1. Analise a concorrência: Qual é o seu principal produto? Digamos que vendo chinelos personalizados. Procure por esta palavra e use a ferramenta MozBar para analisar qual a autoridade dos sites que aparecem na primeira página do Google. Isto vai dimensionar o trabalho que você terá para posicionar o seu site. Ente também nestes sites e analise quanto tempo demora pra carregar, se tem versão mobile e quais palavras chaves são usadas.
  2. Analise o seu site: Seu site contém a estrutura H1, H2, H3…? Verifique também se não existem páginas com erro 404 e também páginas redes-sociaisduplicadas. Se tem algum produto do seu site que está fora do catálogo, não exclua a página deste produto, pois isto prejudica o rankeamento no Google.
  3. Divulgue o link do seu ecommerce em blogs, Facebook, Twitter, Google+ e outras redes sociais. Isso é um fator de rankeamento diferencial e que o Google vê com bons olhos, pois o seu site está sendo comentado.

Espero que com essas dicas a sua loja virtual fique mais conhecida e mais fácil de ser encontrada.

Anúncios

Ferramentas de SEO

Quem está começando a trabalhar com SEO tem que estar ciente de que é preciso usar ferramentas para construir o seu projeto. Estas ferramentas tem por objetivo, dentre outros, analisar as métricas do seu site e dos concorrentes, indexar o site mais rápido etc. A maioria das ferramentas são pagas, mas existem planos gratuitos com limitações, mas no começo dá para usar tranquilamente. Assim que o retorno vier é interessante assinar algumas delas.

Ferramentas SEO

As ferramentas mais populares são:

Moz: sua principal função é analisar a Autoridade do Domínio (DA) e a Autoridade de uma Página (PA). Antes de começar qualquer projeto é fundamental saber qual a autoridade dos sites concorrentes que estão bem posicionados no Google. Isso vai determinar o tamanho do trabalho que você terá para posicionar o seu site. A ferramenta Moz possui uma extensão para o Chrome, chamada MozBar, que, ao fazer uma busca no Google, ela mostra automaticamente o DA e o PA das páginas listadas na pesquisa.

KWFinder: digite uma palavra chave e o site te mostrará diversas estatísticas relacionadas a ela, como sugestões de palavras chaves de cauda longa, número de buscas mensais, dificuldade de posicionar no Google e também os 10 sites melhores posicionados para aquela palavra, com estatísticas.

Elite Link Indexer: indexa a sua página de uma maneira fácil e rápida, simplesmente jogando o link no site. Bem melhor do que ficar esperando 20 ou 30 dias pro Google indexar sozinho.

Para conhecer mais ferramentas e outras estratégias completas de SEO, clique aqui.

SEO ou AdWords?

As estratégias se diferenciam em diversos aspectos, bem como uma pode ser complementar à outra

Nada melhor do que falar da sua própria experiência. Meu primeiro contato no marketing digital foi com o Google Adwords. Fiquei encantado com a ferramenta e gerei muitos resultados para os clientes que eu trabalhava.

Google Adwords

É a ferramenta de publicidade paga do Google, ou seja, a forma que o Google ganha dinheiro. Quando você faz uma busca, geralmente os resultados que aparecem nas primeiras posições são anúncios patrocinados, o cliente pagou para eles estarem lá.

pesquisa-adwords_ink_li

Estes anúncios são cobrados a cada clique e funciona na forma de leilão. Palavras chaves concorridas tem o CPC (custo por clique) mais caro.

A grande vantagem é que não precisa de um conhecimento muito avançado para se usar. Tendo um capital para investir aparecer nas primeiras posições não será uma tarefa muito difícil.

Ultimamente o Google está dificultando aprimorando a ferramenta. Uma análise do anúncio e da página de destino é feita antes do anúncio ser aprovado. As políticas de anúncio são bem rígidas, vale a pena dar uma lida antes de sair anunciando, para não perder a sua conta de anúncios.

Depois de muito gastar com AdWords e ter anúncios reprovados por não estarem de acordo com a política do Google, resolvi estudar um pouco de SEO ou tráfego orgânico.

Busca orgânica (SEO)

seo-marketing-digital

Diferentemente do AdWords, usando técnicas de SEO você não paga nada ao Google para o seu site ficar bem posicionado. Mas SEO é um prato que se come frio, exige um pouco mais de paciência para o seu site ficar bem posicionado.

Um site com uma estrutura interna e externa bem feita aparecerá logo abaixo dos anúncios pagos.

Atualmente estou investindo mais em conhecimento de SEO, pois, uma vez o site estando bem posicionado, eu apenas monitoro a posição e fico gerando receita no automático para os meus clientes e para mim.

Mas ainda uso AdWords para outros projetos. Normalmente com anúncios e sites em que não preciso de um marketing agressivo, que o Google costuma penalizar.